INSTITUCIONAL

Apresentação

O Telecentro Comunitário Flávio Mateus de Lima foi implantado na comunidade de Lagoinha em decorrência da parceria feita entre Prefeitura Municipal de Russas, Associação Comunitária de Lagoinha (CNPJ 06.581.193/0001-06) e Governo Federal, através do Programa Nacional de Apoio à Inclusão Digital nas Comunidades – Telecentros.BR. Esta implantação possibilitou a expansão do Projeto Ação Digital – PAD, instituído pelo Decreto Municipal Nº 030/2008/PMR.

O Telecentro Comunitário Flávio Mateus de Lima está cadastrado no Observatório Nacional de Inclusão Digital – ONID sob nº 20175. O sinal de internet, cadastrado sob nº GESAC 37286, é fornecido, gratuitamente, pelo Governo Federal através do Programa Governo Eletrônico Serviço de Atendimento ao Cidadão – GESAC.

O nome do telecentro foi escolhido em consulta pública à comunidade local através de reunião convocada pela Associação Comunitária de Lagoinha-Russas . Esse ato legal foi registrado em ata e caracterizou a criação do referido telecentro em março de 2010. Em 1º de março de 2012 o telecentro entrou em efetivo funcionamento.

 

Endereço do telecentro:

Lagoinha-Russas

Endereço para envio de correspondências:

Telecentro Comunitário Flávio Mateus de Lima

Prédio da associação de Lagoinha-Russas

Russas-CE

CEP: 62900-00

Descrição de localização:

 

 

A partir do centro de Russas-CE seguir para a BR 116, depois do posto rodoviário à 6km, em sentido a fortaleza. Chegando na entrada da lagoinha percorre mais 1km em sentido reto. Ao lado do parque de vaquejada.

Biografia

Flávio Mateus de Lima nasceu no dia 21 de setembro de 1972 na maternidade de Russas-CE. Sua mãe professora Maria Fátima de Lima, seu pai Raimundo Ferreira Lima, os mesmos foram um dos fundadores da Associação Comunitária Bom Jesus dos Passos e também foram lider na construção da igreja católica que tem como padroeira a Nossa  Senhora Aparecida e da escola municipal Francisco das Chagas Lima em Lagoinha-Russas.

Flávio Mateus, primogênito dessa família, cresceu na comunidade acima citada, juntamente com seus 4 irmãos, sempre ajudando seus pais nas causas sociais e políticas que visavam o bem estar dos moradores da comunidade de Lagoinha.

Casou-se cedo, teve 2 filhas lindas Jamile e Paloma, as quais eram seus maiores amores. Viveu intensamente cada momento para trazer alegria, demonstrar a capacidade de ser solidário, companheiro, bom filho, bom pai e amigo de todos que lhe rodeavam. A simpatia era sua característica marcante , a alegria de viver contagiava as pessoas.

No dia 1 de outubro de 2002 sua vida foi brutalmente tirada , deixando dor e saudades, mas sempre lembraremos de suas risadas, seu sorriso meigo, sua coragem, força de vontade, determinação, pois sabemos que lutou até o fim. Agradecemos a Deus pela bênção de termos convivido com alguém como ele.


 

Projeto foi criado e pensado pelo sr. João Paulo de Oliveira como proposta para a reabertura da sala de informática do Projeto ABC. Foi elaborado e enviado ao gabinete do deputado Ariosto Holanda que, prontamente, viabilizou a implantação do mesmo juntamente com a prof. Lindalva Pereira Carmo, então secretária de Educação do Município de Russas-CE. O PAD, como é publicamente conhecido, foi implantado através do Decreto Municipal nº 030/2008/PMR pelo Excelentíssimo Prefeito Raimundo Cordeiro de Freitas, tornando-se, assim, uma política pública do Município de Russas.

Em 2010, em virtude do lançamento do Chamado Público do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, o PAD ficou entre as 63 iniciativas (de um total de 1071) de inclusão digital que foram contempladas com o Programa Telecentro no Brasil. Tornou-se então, a única iniciativa do Vale do Jaguaribe que recebeu 13 novos telecentros para implantação nos seguintes locais: Projeto Ação Digital – SEDE – ABC (02), Sítio Melancias (01), Sítio Gracismões (01), Sítio Paraíso (01), Sítio Ingá (01), Rua Dr. João Maciel Pereira (01), Av. Cel Araújo Lima – UNACR (01), Sítio Poço de Onça (01), Sítio Lagoinha (01), Lagoa do Toco (01), Córrego da Catita (01) e Sítio Timbaúba(01).

 

 

 

 

 

O Programa Nacional de Apoio à Inclusão Digital nas Comunidades – Telecentros.BR é uma ação do Governo Federal de apoio à implantação de novos espaços públicos e comunitários de inclusão digital e o fortalecimento dos que já estão em funcionamento em todo o território.

São disponibilizados equipamentos de informática e mobiliário necessários ao funcionamento dos telecentros, serviços de conexão em banda larga à internet, assim como a formação e bolsas de auxílio financeiro para monitores atuarem como agentes de inclusão digital. Esses monitores bolsistas participam de um curso de formação e atendem as comunidades dos telecentros.

 

 

 

 

 

Coordenado pelo Ministério das Comunicações por meio do Departamento de Infraestrutura para Inclusão Digital, o Programa Gesac oferece conexão de internet via satélite e terrestre à telecentros, com o objetivo de promover a inclusão digital em todo o território brasileiro.

O Programa é direcionado, prioritariamente, para comunidades em estado de vulnerabilidade social, em todos os estados brasileiros, privilegiando as cidades do interior, sem telefonia fixa e de difícil acesso. Por meio dele, é disponibilizada a infraestrutura fundamental para a expansão de uma rede.

Desde 2002, milhares de brasileiros passaram a dispor do acesso à internet por meio do Programa, que proporciona oportunidades de inserção no mundo das tecnologias de informação (TICs) e comunicação por meio de uma iniciativa governamental pública, gratuita e democrática.